skip to Main Content
Tráfego pago x orgânico: quais as vantagens de cada um?

Tráfego pago x orgânico: quais as vantagens de cada um?

Você quer vender mais, atrair novos clientes e aumentar sua receita? Para que isso aconteça, sua empresa deve ser conhecida. E uma das formas de aparecer na web e se destacar no meio de tantos outros negócios é adotando duas estratégias de marketing digital: o tráfego pago e o tráfego orgânico.

Qual é o papel do tráfego para um site?

Conquistar tráfego é essencial para que sua empresa comece a ser vista. Afinal, a palavra remete à audiência do seu site e ao fluxo de visitantes que acessam a sua página, seja para ver algum conteúdo ou procurar produtos/serviços.

Sem tráfego você não tem visibilidade, nem conversão, e sem isso sua empresa não é conhecida. E como já dizia o velho ditado “quem não é visto não é lembrado”.

Para atrair visitantes e, consequentemente, gerar mais conversões, você pode usar o tráfego pago, o tráfego orgânico ou uma combinação dos dois.

Tráfego pago

Como o próprio nome já indica, tráfego pago é aquele em que você paga por uma mídia para atrair visitantes até o site da sua empresa. A forma mais comum é por meio de anúncios ou links patrocinados, com palavras-chave ou personas que você escolhe para divulgar conteúdo em blog, promoções ou o seu próprio site.

Sabe aqueles resultados que aparecem em destaque em uma busca na Internet? São eles! Os anúncios também podem aparecer em blogs, redes sociais ou sites de afiliados.

  • Google Ads;
  • Bing Ads;
  • Facebook Ads;
  • YouTube Ads;

Essas são algumas das plataformas utilizadas para ampliar o alcance da sua empresa na web e impulsionar o conteúdo produzido. Você só paga quando os usuários clicam nos links (Custo por Clique ou CPC), e/ou por visualização (Custo por Mil, CPM) dentro do seu orçamento diário.

Vantagens do tráfego pago

A mídia paga traz resultados mais expressivos em menos tempo, quase que de imediato, mas tem um custo financeiro para isso. Parte do orçamento precisa ser pensado para esse investimento.

  • Atrai visitantes mais rápido;
  • Podem Gerar resultados imediatos;
  • Coloca sua empresa no topo das buscas dos buscadores;
  • Anúncios podem ser personalizados por perfil de consumidor (Redes Sociais) e por meio de palavras-chave (Buscadores).

Tráfego orgânico

O tráfego orgânico não tem custo direto, mas exige mais esforço. Isso significa que todos os visitantes que chegam até o seu site ou blog utilizaram pesquisas nos mecanismos de busca ou digitaram o nome da sua empresa direto no navegador.

Os custos indiretos envolvem a criação de um blog, por exemplo, e a contratação de profissionais para produzir conteúdo de qualidade.

  • Marketing de conteúdo
  • Técnicas de SEO (Search Engine Optimization)

Essas são as formas mais comuns de aplicar o tráfego orgânico na sua estratégia de marketing digital. Nos dois primeiros, investindo em conteúdo otimizado com palavras-chave que tenham a ver com o seu negócio e com a sua persona (público-alvo).

Assim, além de ranquear entre os primeiros resultados das buscas, você conduz seus visitantes pelo funil de vendas e aumenta as conversões.

Vantagens do tráfego orgânico

Resultados orgânicos costumam ser bem efetivos, mas exigem investimento em tempo (de médio a longo prazo), estudo e planejamento, até que comecem a fazer efeito em uma estratégia digital.

  • Ótimo custo-benefício;
  • Quanto mais visitas, menos custos;
  • Credibilidade e relevância, já que cria autoridade;
  • Não tem prazo de validade.

A escolha do tipo de tráfego a trabalhar vai depender da estratégia digital que sua empresa adotar. Ambos têm seus prós e contras, são eficazes, contribuem para gerar visibilidade e podem atuar de forma complementar.

Sobre o autor

Tráfego pago x orgânico: quais as vantagens de cada um?

Tráfego pago x orgânico: quais as vantagens de cada um?

Você quer vender mais, atrair novos clientes e aumentar sua receita? Para que isso aconteça, sua empresa deve ser conhecida. E uma das formas de aparecer na web e se destacar no meio de tantos outros negócios é adotando duas estratégias de marketing digital: o tráfego pago e o tráfego orgânico.

Qual é o papel do tráfego para um site?

Conquistar tráfego é essencial para que sua empresa comece a ser vista. Afinal, a palavra remete à audiência do seu site e ao fluxo de visitantes que acessam a sua página, seja para ver algum conteúdo ou procurar produtos/serviços.

Sem tráfego você não tem visibilidade, nem conversão, e sem isso sua empresa não é conhecida. E como já dizia o velho ditado “quem não é visto não é lembrado”.

Para atrair visitantes e, consequentemente, gerar mais conversões, você pode usar o tráfego pago, o tráfego orgânico ou uma combinação dos dois.

Tráfego pago

Como o próprio nome já indica, tráfego pago é aquele em que você paga por uma mídia para atrair visitantes até o site da sua empresa. A forma mais comum é por meio de anúncios ou links patrocinados, com palavras-chave ou personas que você escolhe para divulgar conteúdo em blog, promoções ou o seu próprio site.

Sabe aqueles resultados que aparecem em destaque em uma busca na Internet? São eles! Os anúncios também podem aparecer em blogs, redes sociais ou sites de afiliados.

  • Google Ads;
  • Bing Ads;
  • Facebook Ads;
  • YouTube Ads;

Essas são algumas das plataformas utilizadas para ampliar o alcance da sua empresa na web e impulsionar o conteúdo produzido. Você só paga quando os usuários clicam nos links (Custo por Clique ou CPC), e/ou por visualização (Custo por Mil, CPM) dentro do seu orçamento diário.

Vantagens do tráfego pago

A mídia paga traz resultados mais expressivos em menos tempo, quase que de imediato, mas tem um custo financeiro para isso. Parte do orçamento precisa ser pensado para esse investimento.

  • Atrai visitantes mais rápido;
  • Podem Gerar resultados imediatos;
  • Coloca sua empresa no topo das buscas dos buscadores;
  • Anúncios podem ser personalizados por perfil de consumidor (Redes Sociais) e por meio de palavras-chave (Buscadores).

Tráfego orgânico

O tráfego orgânico não tem custo direto, mas exige mais esforço. Isso significa que todos os visitantes que chegam até o seu site ou blog utilizaram pesquisas nos mecanismos de busca ou digitaram o nome da sua empresa direto no navegador.

Os custos indiretos envolvem a criação de um blog, por exemplo, e a contratação de profissionais para produzir conteúdo de qualidade.

  • Marketing de conteúdo
  • Técnicas de SEO (Search Engine Optimization)

Essas são as formas mais comuns de aplicar o tráfego orgânico na sua estratégia de marketing digital. Nos dois primeiros, investindo em conteúdo otimizado com palavras-chave que tenham a ver com o seu negócio e com a sua persona (público-alvo).

Assim, além de ranquear entre os primeiros resultados das buscas, você conduz seus visitantes pelo funil de vendas e aumenta as conversões.

Vantagens do tráfego orgânico

Resultados orgânicos costumam ser bem efetivos, mas exigem investimento em tempo (de médio a longo prazo), estudo e planejamento, até que comecem a fazer efeito em uma estratégia digital.

  • Ótimo custo-benefício;
  • Quanto mais visitas, menos custos;
  • Credibilidade e relevância, já que cria autoridade;
  • Não tem prazo de validade.

A escolha do tipo de tráfego a trabalhar vai depender da estratégia digital que sua empresa adotar. Ambos têm seus prós e contras, são eficazes, contribuem para gerar visibilidade e podem atuar de forma complementar.

Sobre o autor

Leita também

SEO x Google Ads: qual o melhor investimento em marketing digital?

Com a evolução tecnológica, vivemos em uma era totalmente digital. Fazemos tudo por meio de smartphones, tablets e computadores. Para acompanhar…

Você conhece o anúncio de geração de cadastros do Facebook Ads?

Hoje, ficou mais fácil obter dados sobre os clientes que podem ajudar a desenhar uma estratégia de Marketing Digital mais eficiente…

Descubra como atingir o público certo através do Facebook Ads

O Facebook Ads é uma plataforma de anúncio para empresas que desejam anunciar no Facebook ou Instagram. A plataforma trás ferramentas…